Com versos, poeta pajeuzeiro cobra governador!

0
198

O poeta Diomedes Mariano, ao saber que Paulo Câmara estaria sábado no Pajeú, cobrou-lhe com versos a recuperação das estradas da região: “Querido governador/ Quando vier ao sertão/ Não venha de helicóptero/ Muito menos de avião/ É bom que venha de carro/ Entre as crateras e o barro/ Reflita e diga talvez/ Oh! Que falta de respeito/ Isto era pra ser feito/ E meu governo não fez”.

Do blog de Inaldo Sampaio

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here