Condenado: irmão de Armando Monteiro pega nove anos de prisão

0
204

A Justiça Federal em Recife condenou o empresário pernambucano Eduardo Queiroz Monteiro, irmão do Senador Armando Monteiro Neto a nove anos de prisão por gestão fraudulenta do Banco Mercantil.

Segundo foi apurado, em 1995 Eduardo liderou esquema de desvios e apropriação de recursos dos clientes do banco, que sofreu intervenção do Banco Central em 1995.

A história do Mercantil se cruza com a do Banco Rural, que detinha 22% de sua massa falida e chegou a contratar o publicitário Marcos Valério como lobista para resolver os problemas da instituição financeira junto ao BC.

Eduardo e Armando Monteiro Neto são primos do ministro do TCU José Múcio e filhos de Armando Monteiro Filho, muito amigo de Lula.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here