Lenine reclama de coligação de Rands por uso de música

0
34

Do Blog do Jamildo

A Mameluco Produções, que representa o cantor pernambucano Lenine, anunciou nesta sexta-feira (10) que o seu departamento jurídico “está tomando as devidas providências” em relação à coligação “O Pernambuco que você quer” – formada por Pros, PDT e Avante – por causa de um jingle que se “inspira” na música “Leão do Norte”. A canção – composta pelo próprio Lenine e Paulo César Pinheiro – está, segundo a produtora, sendo veiculada sem a autorização dos autores pela campanha do ex-deputado federal Maurício Rands (Pros) ao governo de Pernambuco.

Ao Blog de Jamildo, a empresária e esposa de Lenine, Anna Barroso, afirmou que, além da “apropriação indevida de uma obra artística”, o que motivou também a ação dos advogados é “a utilização de um posicionamento politico e ideológico sem uma prévia consulta ao autor”. “O nosso escritório de advocacia já está tomando as devidas providências”, disse Anna Barroso.

Postado nessa quarta-feira (8) no YouTube, o vídeo intitulado “Jingle Maurício Rands 2018” já está circulando nas redes sociais. Um dos trechos da música dá uma cutucada nos adversários de Rands na corrida pelo Palácio das Princesas. Sem citar nomes, o jingle critica uma “junção estranha sem cabeça e sem pé”.

Integrante da coligação, o deputado federal Silvio Costa (Avante), pré-candidato ao Senado, já bateu na chapa do governador Paulo Câmara (PSB) por abrigar dois adversários históricos como o senador Humberto Costa (PT) e o deputado federal Jarbas Vasconcelos (MDB).

Confira o jingle:

 

Outro lado

A assessoria de imprensa da coligação “O Pernambuco que você quer” negou, por meio de nota enviada ao Blog, qualquer relação com a publicação do vídeo e com a produção do jingle. Segundo a assessoria, a coligação ainda não possui uma música para a campanha, e quando tiver, “não vai usar a música de Lenine e Paulo César Pinheiro”. Ainda de acordo com a nota, Maurício Rands “é formado advogado pela Faculdade de Direito do Recife, tem mestrado e doutorado em Oxford. É professor de Direito e respeita os direitos autorais de qualquer artista, em especial, dos artistas Lenine e Paulo César Pinheiro”.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here