Reflexão de um cidadão que não aguenta mais tantos desmandos

0
96

Bom dia, amigos!

Há anos faltam hospitais, médicos, medicamentos, viaturas policiais nas ruas etc, etc…

Agora o governo Temer quer que acreditemos a qualquer custo que estes problemas se dão por conta da paralisação dos caminhoneiros, desviando a atenção de verdadeiramente os causam.

Há alguns anos a PETROBRAS anunciou que éramos autossuficientes em petróleo. Para onde foi esta autossuficiência?

Nossos vizinhos vendem gasolina a um valor equivalente a 1/4 do que pagamos no Brasil. Se vende-se barato lá fora, qual o por quê de não inverter o processo?

Sem dúvida a PETROBRAS pode ser de todo mundo, menos do povo BRASILEIRO.

Trabalhamos para sustentar uma corja de ladrões que se apossaram do poder e vendem até a alma ao diabo para não soltar o osso.

Ignoram o povo e suas necessidades e prol do enriquecimento ilícito, descabido e desenfreado. Não há limites para eles.

A Constituição Federal só é interpretada em favor desses que achacam os cofres públicos e nos transformam em escravos. Trabalhamos 3/4 do ano para garantir a estes hipócritas todas as regalias das quais desfrutam.

O descaso nos está levando ao caos. Hoje começamos a sentir na pele a dor dos Venezuelanos, mas ainda estamos inertes.

Se não gritarmos INDEPENDÊNCIA OU MORTE, morreremos.

Morrerá a falta de esperança do povo por um futuro melhor, um país justo, onde o poder, de fato, emane do povo.
Um país onde haja saúde, educação, segurança, transporte etc.

Um país onde o filho do presidente estude na mesma escola do filho do operário, onde o deputado vá ser tratado no mesmo hospital que o professor, onde o professor tenha o salário mais alto da nação.

Se nas grandes potencias econômicas mundiais, países modelo é assim, por que não seguirmos esse modelo?

Não podemos porque esses vagabundos que aí estão, não nos permitem crescer.
Tiremo-os do poder, coloquemo-os no lugar onde, de fato eles merecem estar.

Altanir Afonso

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here